''Estado'' lança 2ª versão de aplicativo para iPad

Novidade gratuita estará disponível a partir de amanhã e possibilitará a leitura do jornal no aparelho da Apple, além de acesso a fotos e vídeos

, O Estado de S.Paulo

23 de maio de 2010 | 00h00

Estará disponível a partir de amanhã a segunda versão do aplicativo para iPad do Estado e do estadão.com.br. A primeira versão foi lançada em abril e o Estado foi o primeiro jornal brasileiro a desenvolver um aplicativo especialmente para o tablet da Apple. O programa é gratuito e foi desenvolvido em parceria com a empresa MobiMarket.

Para o editor-chefe de Conteúdos Digitais do Grupo Estado, Pedro Doria, o jornal aproveita as possibilidades que o iPad tem de se aproximar do jornal impresso. "É possível editar o jornal no iPad como é feito no papel, sem perder a beleza gráfica."

Com o novo aplicativo, os leitores que tiverem o aparelho poderão acompanhar as principais notícias das versões online e impressa de forma mais organizada. "Para essa segunda versão, pudemos testar o formato de apresentação do jornal e a leitura das notícias no aparelho. Com isso, conseguimos organizar melhor as informações e aproveitar melhor o espaço da tela do iPad", diz o diretor de plataformas digitais do Grupo Estado, Nicholas Serrano.

Além de acompanhar as principais notícias do Estadão, os leitores poderão acessar a galeria de fotos, assistir a vídeos e ler a edição do dia do jornal. O acesso à edição digital diária, que não era permitido com o primeiro aplicativo, ficará liberado nessa etapa de lançamento do software. "A leitura está muito mais próxima da do jornal impresso, com as manchetes em destaque, espaço para colunistas e blogs", diz Serrano. "Aproveitamos os critérios de edição do jornal impresso em um formato multimídia."

Os leitores que já possuem a versão atual do aplicativo vão receber um alerta automático, avisando do lançamento da nova versão. O download gratuito pode ser feito na Apple Store.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.