Estradas de SP devem receber 1,7 mi veículos no feriado

Cerca de 1,7 milhão de veículos devem circular pelas estradas paulistas durante o feriado prolongado da Independência. Somente da capital paulista, as rodovias devem receber 1,3 milhão de veículos, segundo estimativas da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET).Para os motoristas de São Paulo, a recomendação da CET é que evitem o período das 14 às 22h de amanhã, e das 8 às 13h de sexta-feira. Para o retorno, os horários de tráfego mais intenso será entre 14 às 22h do domingo e das 8 às 13h da segunda-feira. O mais indicado é programar a viagem, tanto de ida quanto de retorno, no período das 22h às 6h entre amanhã e sexta-feira.O Departamento de Estradas de Rodagem do Estado de São Paulo (DER), em conjunto com a Desenvolvimento Rodoviário (Dersa), que compreende rodovias como Ayrton Senna, Carvalho Pinto, Tamoios e Mogi-Bertioga, montou esquema especial para o feriado prolongado.LitorâneaA estrada que deve receber mais veículos, segundo estimativas da DER/Dersa, é a Rodovia Litorânea, por onde devem passar 168,960 mil carros. Nas rodovias Ayrton Senna/Carvalho Pinto são esperados até 130 mil veículos. Bastante movimentada também devem ser as estradas D. Pedro I (60 mil veículos), Tamoios (51,280 mil), Mogi-Bertioga (33,030 mil), Floriano Rodrigues Pinheiro (28,665 mil) e Oswaldo Cruz (18,120 mil).De acordo com a DER/Dersa, os horário de pico nessas estradas serão entre 14 e meia-noite de amanhã e entre 6 e 15 horas da sexta-feira. Para a volta, os motoristas devem evitar as rodovias entre 12 e 23h de domingo.InteriorA ViaOeste, concessionária das rodovias Castello Branco e Raposo Tavares, estima que até 400 mil veículos trafeguem pelo sistema durante o feriado, a partir de amanhã. A operação especial para o feriado tem início a meia-noite de amanhã e segue até a meia-noite de domingo. Os períodos da tarde de quinta e da manhã de sexta devem ter fluxo intenso de veículos. Para a volta, o trânsito nas duas rodovias devem ficar mais complicadas na tarde de domingo e na manhã de segunda-feira.Já a concessionária AutoBAn prevê que 500 mil veículos passem pelas rodovias Anhangüera e Bandeirantes. Em direção ao interior, o tráfego deve ser mais quantitativo nos horários de 15 às 22h de amanhã e das 7 às 14h de sexta-feira. Para o retorno à capital paulista, a previsão é de maior concentração de veículos entre 15 e 22h do domingo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.