Estudante do Rio ganha direito de conferir a prova

Uma aluna do Rio que teve a redação anulada poderá ter acesso ao Enem para conferir a prova, segundo decisão de primeiro grau do Tribunal Regional Federal (TRF) fluminense. A liminar foi deferida em caráter de urgência na segunda e ratificada anteontem pelo juiz da 14ª Vara Federal, Adriano Saldanha Gomes de Oliveira. Foi estabelecido prazo de cinco dias a partir da intimação para que a prova seja apresentada, "sob pena de caracterização do crime de desobediência judicial". Cabe recurso do MEC. Segundo Bernardo Anastasia, advogado da estudante, o juiz considerou ilegal o trecho do edital que veda a concessão de vista de provas.

, O Estado de S.Paulo

20 de janeiro de 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.