Etanol hidratado tem alta semanal; anidro cai 5%, diz Cepea

Os preços do etanol hidratado no Estado de São Paulo registraram alta na semana passada, apesar do desenvolvimento da moagem no principal Estado produtor de cana do Brasil, afirmou o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea).

Reuters

19 de maio de 2014 | 16h33

A média semanal do indicador no Estado foi de 1,1917 real/litro, aumento de 0,4 por cento em comparação com a semana anterior.

Já o indicador diário do hidratado posto Paulínia, importante polo de distribuição no Estado, fechou a 1.154,00 reais/metro cúbico (mil litros) na sexta-feira, alta de 3,8 por cento sobre a sexta anterior.

"Apesar de a oferta continuar crescente, reflexo do avanço da moagem, o número maior de negócios realizados na última semana permitiu aumentos de preços para o hidratado", afirmou o Cepea em nota.

No caso do etanol anidro (misturado à gasolina), o indicador teve média de 1,3298 real/litro, queda de 5 por cento em relação à semana anterior.

"Para o anidro, porém, embora a liquidez tenha aumentado, o volume ofertado continuou superando a demanda, pressionando as cotações", disse o Cepea.

(Por Roberto Samora)

Tudo o que sabemos sobre:
COMMODSETANOLPRECO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.