Ex-chefe da Lotus, Boullier vai para a McLaren

O ex-chefe da equipe Lotus de Fórmula 1 Eric Boullier vai trabalhar na McLaren e ocupará o recém-criado cargo de Diretor de Corridas, tendo Ron Dennis no comando geral da equipe.

ALAN BALDWIN, Reuters

29 de janeiro de 2014 | 11h59

A McLaren informou em comunicado divulgado durante os testes de pré-temporada na Espanha que o francês Boullier vai começar a trabalhar na equipe sediada na cidade inglesa de Woking no dia 3 de fevereiro.

A equipe disse que Boullier se reportará ao presidente-executivo de Corridas da McLaren, cujo titular ainda será escolhido e que, por sua vez, responderá a Dennis, que é chairman e acionista do grupo, além de já ter sido chefe da equipe.

Jonathan Neale vai ocupar interinamente o posto de presidente-executivo. O comunicado da McLaren não menciona Martin Whitmarsh, que era chefe da equipe no ano passado e foi tirado de seu posto por Dennis.

"Considero essa nomeação uma honra, um privilégio e uma oportunidade maravilhosa", disse Boullier em comunicado.

"Estou ansioso e determinado a desempenhar papel ativo... dentro de uma nova estrutura operacional, para trazer as mudanças que trarão o sucesso", disse. "

A McLaren teve uma temporada desastrosa no ano passado, não conseguindo sequer um pódio no que foi o pior desempenho da equipe desde 1980.

Mais conteúdo sobre:
F1MCLARENBOULLIER*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.