Ex-prefeito nega irregularidade

O ex-prefeito de Carapicuíba Fuad Gabriel Chucre (PSDB) negou, anteontem, irregularidades no contrato firmado entre sua gestão (2004-2008) e a Verdurama. "Era um contrato como qualquer outro", afirmou. "Havia fiscalização sobre o serviço executado e, que eu saiba, não houve qualquer problema." Procurado ontem, Chucre não foi localizado para falar sobre a tabela com supostos valores de propina.

Bruno Tavares e Marcelo Godoy, O Estadao de S.Paulo

28 de novembro de 2009 | 00h00

A prefeitura de Caraguatatuba, uma das 22 citadas nos grampos, informou que o contrato com a Verdurama foi feito pela administração passada e encerrado em março de 2009 por determinação do Tribunal de Contas.

A prefeitura de Santana de Parnaíba diz que a Verdurama forneceu insumos até 2008. "Após serem detectados problemas no fornecimento, a empresa foi multada, notificada e a prefeitura abriu nova licitação", informa. A atual gestão salienta ainda que o prefeito Silvio Peccioli (DEM) não recebeu doações de campanha das empresas investigadas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.