Ex-sócio é suspeito de matar dono de churrascaria

O comerciante Avelino Fantim, de 61 anos, dono da Churrascaria Central Park, localizada na Avenida Ermano Marchetti, 569, na Lapa, zona oeste da capital paulista, foi morto com três tiros, por volta das 18 horas de segunda-feira, 6, dentro do próprio estabelecimento.

RICARDO VALOTA, Agência Estado

07 de agosto de 2012 | 07h34

O autor do homicídio, segundo testemunhas, seria Jaime Grokt, de 34 anos, que, segundo informações fornecidas à polícia, já foi sócio da vítima, com a qual tinha algumas desavenças comerciais. Mesmo encaminhado por policiais militares ao pronto-socorro da Lapa, Avelino não resistiu aos ferimentos e morreu. O assassino continua foragido.

Tudo o que sabemos sobre:
violênciachurrascariaSP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.