Exame para Ebola em suspeito no Brasil tem resultado negativo, diz ministério

O Ministério da Saúde anunciou neste sábado que o primeiro exame do paciente com suspeita de Ebola teve resultado negativo, mas um segundo exame será realizado em 48 horas para descartar definitivamente a hipótese para o vírus.

REUTERS

11 de outubro de 2014 | 09h29

O homem, de 47 anos, procedente da Guiné (África), foi considerado suspeito depois de ter recorrido na quinta-feira a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) em Cascavel, no Paraná, após apresentar febre.

"O estado de saúde dele é bom, não apresenta febre e está mantido em isolamento total no Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas, no Rio de Janeiro", disse o ministério em nota.

Transferido sob um esquema especial ao Rio, para evitar contaminação, o paciente foi submetido a exame na sexta-feira para verificar a infecção pelo vírus Ebola. Uma segundo amostra de sangue será colhida neste domingo e enviada para análise laboratorial no Instituto Evandro Chagas, no Pará.

"Se o caso também for descartado como Ebola no segundo exame, o paciente sairá do isolamento e o sistema de vigilância dos contactantes será desmontado", anunciou o ministério em nota. As autoridades de saúde estão acompanhando 64 possíveis contactantes.

O surto do vírus letal está concentrado na Guiné, Libéria e Serra Leoa, países da África Ocidental.

(Por Asher Levine)

Mais conteúdo sobre:
BRASILEBOLANEGATIVO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.