Exército atua no combate à dengue em Teresina

TERESINA

, O Estado de S.Paulo

19 de abril de 2011 | 00h00

O prefeito de Teresina, Elmano Ferrer (PTB), convocou o Exército para combater a dengue na capital do Piauí, que registra neste ano um crescimento de 574% no número de casos notificados em relação ao mesmo período de 2010. São 1.397 notificações contra 243. Além da explosão de casos, Teresina registrou um caso de dengue tipo 4.

A parceria resultou na mobilização de mais de cem soldados para atuar no combate ao mosquito Aedes aegypti, principalmente na zona norte da cidade, que tem muitas lagoas e o maior índice de notificações da capital.

O comandante do Exército no Piauí, coronel Humberto Silva Marques, disse que os militares foram treinados para a missão. Os soldados entrarão de casa em casa em busca de focos da dengue. Eles ainda farão a distribuição de folders de prevenção e combate à doença.

A prefeitura de Teresina também está promovendo mutirões de limpeza nos bairros e fazendo campanhas de conscientização da população para evitar acúmulo de lixo e água parada.

O governo do Estado já havia usado a Polícia Militar para fazer um mutirão contra a dengue. / LUCIANO COELHO, ESPECIAL PARA O ESTADO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.