Expectativa de vida é menor que a da AL

Estudo comparativo feito com estimativas da Organização das Nações Unidas (ONU) mostra que a esperança de vida ao nascer no Brasil (73 anos) é um ano menor que a média da América Latina e Caribe. A diferença entre a maior (EUA, 79,7 anos) e a menor (África, 55) é de quase 25 anos. No Brasil, a vida média ao nascer aumentou 3 anos de 1999 para 2009, chegando a 73, com melhor situação para mulheres (77), ante 69,4 para homens.

, O Estado de S.Paulo

18 de setembro de 2010 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.