Explosão em espaçoporto particular mata 3 na Califórnia

A explosão aconteceu no Aeroporto e Porto Espacial de Mojave, onde uma empresa testava motores de foguete

DAN WHITCOMB, REUTERS

27 de julho de 2007 | 15h14

Três pessoas morreram e outras trêsficaram gravemente feridas numa explosão que atingiu naquinta-feira as instalações de testes de foguetes operadas pelopioneiro dos vôos espaciais comerciais, Burt Rutan, naCalifórnia, disseram fontes oficiais. A explosão aconteceu no Aeroporto e Porto Espacial deMojave, onde a Scaled Composites testava o motor de um foguete,afirmou Tony Diffenbaugh, representante do corpo de bombeirosde Kern County. Segundo ele, duas pessoas morreram na hora na explosão, equatro outras foram socorridas num hospital próximo. Um dosferidos morreu depois de ser submetido a uma cirurgia, segundoo Los Angeles Times. O complexo foi imediatamente fechado. "O que nossas unidades encontraram foram seis vítimas deuma aparente explosão, com várias lesões decorrentes de traumase queimaduras", afirmou Diffenbaugh. Imagens da TV mostraramequipamentos e veículos destruídos. De acordo com Diffenbaugh,a explosão envolveu a substância óxido nitroso. Os bombeiros tiveram de esperar horas para entrar no local,por causa do risco. Rutan disse numa entrevista que a causa daexplosão é desconhecida. Rutan aliou-se ao bilionário da Microsoft Paul Allen e aomagnata da aviação Richar Branson para criar uma empresa deturismo espacial. Em 2004, uma espaçonave da empresa de Rutanfez o primeiro vôo tripulado ao espaço totalmente financiadopelo capital privado. O aeroporto de Mojave, inaugurado em 1935, também abriga aEscola Nacional de Pilotos de Teste, o maior centro civil dessetipo no mundo. O local já foi usado como cenário para váriosfilmes e séries de TV, como "Duro de Matar 2" e "Waterworld."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.