Expo Araçatuba terá foco em genética bovina

Uma inovação é a mostra PEC que reunirá mais de 800 animais[br]rústicos das raças nelore e nelore-mocho

O Estado de S.Paulo

19 Julho 2007 | 06h32

De sexta-feira ao dia 15, a 48ª Exposição Agropecuária de Araçatuba, promovida pelo Sindicato Rural da Alta Noroeste (Siran) e organizada pela Safra Eventos, deverá reunir em Araçatuba (SP) 2.100 bovinos, ante 1.700 em 2006, aumento de 23,5%. A mostra terá gado nelore padrão e mocho, canchim, caracu, brahman, brangus, tabapuã, guzerá, marchigiana, senepol e bonsmara, holandês, girolando e jérsei, além de ovinos, caprinos e eqüinos. INOVAÇÃO Uma das inovações é a PEC Araçatuba, que reunirá, até o dia 10, cerca de 800 animais rústicos das raças nelore e nelore-mocho, de vários programas de melhoramento genético. "Vamos demonstrar a tecnologia disponível ao melhoramento genético, voltada para ganho de peso e ao melhor acabamento de carcaça", afirma o diretor do Siran, Luis Antonio Setubal, acrescentando que também será divulgada a importância da qualidade como alimento, por meio do Serviço de Informação da Carne (SIC). "Faremos palestras sobre os cortes e as qualidades da carne bovina", afirma o presidente do SIC, Carlos Viacava. LEILÕES Estão programados 20 remates, com a oferta de 7.500 animais, que deverão responder por faturamento superior a R$ 10 milhões. "A expectativa é boa, a procura por reprodutores está aquecida, por causa da valorização do bezerro", afirma Lourenço Miguel Campo, da Central Leilões, que fará 11 remates da mostra.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.