Expointer movimenta R$ 130 milhões no RS

Ao todo, foram comercializados 1.885 animais, entre bovinos, ovinos, eqüinos, suínos[br]e bubalinos

O Estado de S.Paulo

05 de setembro de 2007 | 04h48

A 30ª edição da Expointer, que terminou no domingo, em Esteio (RS), movimentou mais de R$ 130 milhões, 37% mais em relação ao ano passado. De acordo com os organizadores, o público também foi superior: cerca de 695 mil pessoas. O setor de máquinas e implementos agrícolas foi o maior responsável pelo incremento nas vendas, com R$ 120 milhões.Os animais, as estrelas da feira, também foram destaque, com a venda de R$ 9,45 milhões, valor 27,9% maior do que em 2006, que registrou R$ 7,39 milhões. Ao todo, foram comercializados 1.885 animais, entre bovinos, ovinos, caprinos, zebuínos, eqüinos, bubalinos e suínos, além de sêmens, embriões e coberturas.BRANGUS E HOLANDÊSUm dos destaques da feira foi o julgamento da raça brangus, realizado pelo pecuarista Ricardo Weiller. O macho Grande Campeão foi Haxixe, da Cabanha Paineiras, do Condomínio Flavio Bastos Tellechea. Participaram do julgamento 97 animais. No remate foram vendidas 400 doses de sêmem brangus.Outro destaque foi o lançamento do Prêmio Exceleite 2007/2008, promovido pela Associação de Criadores de Gado Holandês. A premiação será em duas categorias: pista e produção. O objetivo é reconhecer a fêmea da raça que produzir mais nas exposições Expoleite/Fenasul, Exposição Ranqueada do interior do Estado e Expointer. De acordo com o presidente da Gadolando, José Ernesto Ferreira, a idéia é criar um circuito de disputa da raça.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.