Exposição mostra luta do pai da fotografia moderna contra cores

Apesar de pregar o uso do preto-e-branco, Cartier-Bresson influenciou geração de fotógrafos que preferiu imagens coloridas.

BBC Brasil, BBC

08 de novembro de 2012 | 14h25

Uma Questão de Cor

Uma exposição aberta nesta quinta-feira em Londres traz fotos do pai da fotografia moderna, o francês Henri Cartier-Bresson, que nunca foram exibidas na Grã-Bretanha.

O objetivo da mostra "Cartier-Bresson: A Question of Colour" ("Cartier-Bresson: Uma Questão de Cor") é mostrar, através de imagens, o ideal de fotografia do francês, que era contra o uso das imagens coloridas.

No entanto, Cartier-Bresson não conseguiu passar adiante esta ideia a seus discípulos. Ele foi um dos fotógrafos mais influentes da história, mas grande parte dos jovens que ele influenciou preferiu usar imagens coloridas.

A mostra na Somerset House, em Londres, traz imagens também de Ernst Haas, Joel Meyerowitz e William E. Ewing. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.