Fadiga leva foliões para ambulatório no Anhembi

A noite de carnaval no sambódromo do Anhembi seguia tranquilamente, de acordo com avaliação preliminar do Corpo de Bombeiros e do serviço ambulatorial que atende os foliões. Até as 4 horas desta manhã, 24 pessoas foram encaminhadas para o socorro médio, sem nenhum caso grave.

CIRCE BONATELLI, Agência Estado

01 Março 2014 | 04h26

Até aqui, as principais baixas de foliões foram provocadas por mal estar, tontura, vômito e pequenas lesões. Em geral, pessoas que foram para avenida sem se alimentar direito ou que sofreram de hipotermia por causa da chuva e do vento, segundo informaram enfermeiros.

Eles ponderaram, no entanto, que os números são parciais. A maioria dos atendimentos costuma ocorrer na segunda metade do evento, quando pessoas alcoolizadas também são encaminhadas para o ambulatório.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.