FAO vê safra recorde de milho no Brasil em 2012

A produção total de milho do Brasil, incluindo a primeira e a segunda safras, deverá crescer 7 por cento para um novo recorde de cerca de 60 milhões de toneladas em 2012, devido a um salto no plantio de inverno, afirmou nesta terça-feira a FAO, o órgão das Nações Unidas para agricultura e alimentação.

REUTERS

21 de fevereiro de 2012 | 15h11

As áreas plantadas para a segunda safra aumentarão de forma significativa, incluindo um crescimento de 29 por cento no Estado do Mato Grosso. Isso deve compensar uma esperada queda na produção da primeira e maior safra, após um longo período de seca em importantes produtores do Sul, apontou a FAO.

No início do mês, o governo brasileiro estimou a safra total de milho em 60,83 milhões de toneladas.

As exportações de milho do Brasil, terceiro exportador global, foram previstas em aproximadamente 10 milhões de toneladas na temporada 2011/12, contra 11,7 milhões de toneladas em 2010/11.

A queda ocorre em meio à crescente demanda da indústria de carne do país pelo cereal, segundo a FAO.

O tempo seco nas principais áreas produtoras do Sul também atingiu a safra de soja de 2012, que deve cair 8 por cento ante o ano passado, disse a FAO, sem dar detalhes.

(Reportagem de Svetlana Kovalyova)

Tudo o que sabemos sobre:
COMMODMILHOFAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.