Fatores da queda do minério na China são transitórios, diz Vale

Os fatores por trás de uma recente queda nos preços do minério de ferro na China, para uma mínima de mais de seis meses no mercado à vista, são "transitórios", disse nesta terça-feira o presidente da Vale, Murilo Ferreira.

Reuters

21 de janeiro de 2014 | 19h00

"Os fundamentos continuam sólidos na economia chinesa, houve recentemente uma política de concessão de crédito mais dura, e certamente as siderúrgicas foram atingidas...", disse Ferreira a jornalistas após reunião no Ministério de Minas e Energia.

A China é o maior comprador de minério de ferro do mundo, enquanto a Vale é a principal produtora global dessa commodity.

De acordo com Ferreira, aqueles fatores que estão pressionando os preços não são permanentes.

"As empresas acabam trabalhando com nível de estoques mais baixos, mas é uma posição transitória", declarou.

O minério com 62 por cento de teor de ferro para entrega imediata na China .IO62-CNI=SI, uma referência do mercado, caiu 1,3 por cento nesta terça-feira, para 123,20 dólares por tonelada, menor patamar desde 8 de julho, segundo dados compilados pelo Steel Index.

(Por Leonardo Goy)

Mais conteúdo sobre:
MINERACAOVALEPRECO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.