Fatores de risco ameaçam paulistas

SAÚDE DO CORAÇÃO

, O Estado de S.Paulo

26 Abril 2010 | 00h00

Três de cada quatro pessoas entrevistadas no Mutirão de Avaliação de Risco Cardiovascular apresentam três de oito fatores considerados de risco para o desenvolvimento de doenças cardiovasculares. O Mutirão, realizado em Unidades Básicas de Saúde (UBS) da capital e de Campinas em 2009, ouviu 97.502 pessoas. O coração de 75% deles está ameaçado por fatores como hipertensão, diabetes, tabagismo, obesidade, sedentarismo e estresse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.