Fortes chuvas causam oito mortes em Santa Catarina

Número de pessoas que tiveram de deixar casas chega a 4.488; governador decretou situação de emergência

Natalia Gómez, da Agêcia Estado,

23 Novembro 2008 | 10h19

A forte chuva que atinge a região leste de Santa Catarina causou a morte de oito pessoas por soterramento no sábado, 22. Segundo a Defesa Civil do Estado, cinco mortes foram registradas em Blumenau, enquanto as demais ocorreram em Garuva, Gaspar e Brusque, na região do Vale do Itajaí, onde se concentram os alagamentos e deslizamentos de terra.   Veja também: Explosão de gás abre cratera e interdita BR-470 em SC Temporais devem atingir 16 estados e o DF até 2ª feira Chuva deixa 746 desabrigados no leste de SC   O número de pessoas que tiveram de abandonar suas casas chega a 4.488, sendo que 2.977 se abrigaram na casa de parentes e amigos e 1.411 estão em abrigos públicos. O governador Luiz Henrique da Silveira decretou situação de emergência no Estado, que sofre com as chuvas há mais de dois meses.A maior preocupação neste momento é em relação ao nível do rio Itajaí-Açu, que está 9,76 metros acima do nível normal, uma vez que a chuva continua forte. O estado de alerta é acionado quando o nível do rio passa de oito metros. A Defesa Civil está providenciando cestas básicas, colchões, cobertores e kits de higiene para as famílias atingidas pela chuva.     A orientação da instituição é de que o trânsito de veículos deve ocorrer apenas em casos de emergência, porque diversos pontos de rodovias estaduais e federais estão interditados por risco de deslizamentos. Instituições de emergência de outros Estados estão sendo convocadas pela Defesa Civil para auxiliar nas ações de emergência.

Mais conteúdo sobre:
chuvaSanta Catarina

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.