Frio lota abrigo da Fundação da Ação Social de Curitiba

O frio desta madrugada em Curitiba (PR), quando os termômetros marcaram 0,2 grau e a sensação térmica foi de 5,5 graus negativos, fez com que o abrigo público da Fundação de Ação Social (FAS) ficasse lotado. Todos os 250 leitos foram tomados e a direção precisou colocar pelo menos mais 50 colchões espalhados pelo chão para abrigar as pessoas que normalmente passam a noite nas ruas da cidade.

EVANDRO FADEL, Agência Estado

27 Junho 2011 | 16h58

Segundo a assessoria do órgão, as equipes de resgate percorreram as ruas convidando as pessoas para se abrigarem, mas muitas procuraram o local por iniciativa própria. Elas são acolhidas com um banho quente e uma refeição. Pela manhã, recebem roupas novas e tomam café. Aqueles que quiserem também podem cortar o cabelo ou a barba. Nesta tarde, o sol brilhava em todo o Paraná, mas o frio persistia. As temperaturas mais altas foram registradas no litoral, com 18 graus.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.