Fuga é frustrada e presos destroem carceragem na Bahia

Por causa da depredação, todos os 46 detentos terão de ser transferidos

Tiago Décimo - Agência Estado,

24 de agosto de 2012 | 15h37

SALVADOR - Os detentos da carceragem da Delegacia de Mata de São João, no litoral norte da Bahia, destruíram as oito celas da unidade na manhã desta sexta-feira, 24. De acordo com a Polícia Civil, a ação ocorreu por volta das 8h30, depois de uma tentativa frustrada de fuga.

Sem conseguir escapar, os presos promoveram um motim, atearam fogo em colchões e destruíram todas as celas, que têm capacidade para 20 internos, mas abrigavam 46. Não houve feridos e a situação foi controlada ainda pela manhã, com o apoio de equipes da Polícia Militar. Por causa da depredação, todos os detentos terão de ser transferidos.

Mais conteúdo sobre:
fugacarceragemBAmotim

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.