Funcionários da Reduc passam mal após vazamento

Funcionários da Refinaria de Duque de Caxias (Reduc), da Petrobrás, foram atingidos por um vazamento de sulfeto de hidrogênio (H2S) em uma área interna da unidade de águas ácidas, na manhã desta sexta-feira, 5. De acordo com o Sindicato dos Petroleiros de Duque de Caxias, oito pessoas passaram mal. Por meio de nota, a Petrobrás informou que "alguns funcionários receberam atendimento médico na refinaria e passam bem".

FELIPE WERNECK, Agência Estado

05 de julho de 2013 | 17h05

O vazamento de gás de flare ocorreu às 8h50. Segundo a Petrobrás, o problema foi "rapidamente eliminado" e, logo depois, a Reduc operava normalmente. O diretor do sindicato, Sérgio Abbade, afirmou que um dos funcionários desmaiou. "Outros também tiveram dificuldade de respiração, mas este funcionário foi o mais afetado. Todos foram mandados para casa."

A área no entorno da unidade foi esvaziada. Abbade apontou uma falha de equipamento como possível causa do acidente. Segundo ele, o problema ocorreu entre as unidades 12-50 e 12-10. Ele disse que a unidade 12-50 está parada para manutenção. "O ponto de vazamento foi identificado, mas o fato causou um grande impacto para os trabalhadores contratados, tanto que o Ministério Público do Trabalho resolveu investigar o ocorrido", informou o sindicato.

Mais conteúdo sobre:
VazamentoReduc

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.