Fundador da AOL lança megaprojeto de filantropia na web

Case Foundation propõe a jovens doar US$ 10 para qualquer instituição pela internet

Efe

14 de dezembro de 2007 | 15h23

A Case Foundation, organização criada pelo fundador da America Online, Steve Case, lançou nesta sexta-feira, 14, um novo projeto virtual que visa encorajar a participação em massa dos americanos em ações de filantropia. O jornal The Washington Post qualificou a iniciativa como "uma das propostas mais ambiciosas nos Estados Unidos para atrair as massas à filantropia por meio da internet". O projeto, batizado com o nome de America's Giving Challenge, busca fazer com que cidadãos se identifiquem com uma causa e doem dinheiro a organizações beneficentes ao redor do mundo. A quantidade a ser doada pode ser de apenas US$ 10. A revista Parade, distribuída aos domingos em mais de 400 jornais dos Estados Unidos, publicará neste fim de semana um artigo sobre o assunto. "Acreditamos que quando 70 milhões de leitores virem (a revista) no domingo, a resposta será arrasadora", disse ao Post Randy Siegel, presidente da publicação. A Case Foundation, com sede em Washington, também estabeleceu uma aliança com a rede de relacionamentos online Facebook, cujos usuários poderão fazer doações a um milhão e meio de organizações beneficentes. As doações e as causas aparecerão nos perfis dos usuários do Facebook. O objetivo, segundo assinala hoje o Post, é conseguir fazer com que as pessoas jovens se identifiquem com esforços beneficentes e inspirem seus amigos a fazer o mesmo. A Fundação Case doará US$ 750 mil entre hoje e 31 de janeiro ao projeto. A fundação entregará US$ 50 mil para doações às pessoas que consigam fazer com que o maior número de amigos em redes sociais contribuam para causas beneficentes. Jean Case, esposa do fundador de AOL, disse ao Post que o experimento poderia impulsionar um amplo movimento de filantropia virtual. "Sabemos que os jovens têm a capacidade de doar (quantias de US$ 10 ou US$ 20) e achamos emocionante envolver essas pessoas nesse ramo e dizer-lhes: 'Vocês podem ser filantropos por US$ 10", afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:
FilantropiaInternetAOL

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.