G8 pede que Coreia do Norte 'recue de futuros atos provocativos'

Chanceleres condenaram 'nos mais fortes termos' o desenvolvimento de tecnologia nuclear pelo país

Reuters

11 de abril de 2013 | 10h55

LONDRES - Ministros das Relações Exteriores do G8 condenaram "nos mais fortes termos possíveis" o desenvolvimento pela Coreia do Norte de tecnologia de armas nucleares e mísseis balísticos, de acordo com comunicado divulgado em encontro do grupo, nesta quinta-feira, 11, em Londres.

Os chanceleres de EUA, Grã-Bretanha, França, Alemanha, Itália, Japão, Canadá e Rússia também pediram à Coreia do Norte que "recue de futuros atos provocativos."

Tudo o que sabemos sobre:
Coreia do NorteCoreia do SulEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.