Gângster é solto aos 100 anos em NY

Gângster é solto aos 100 anos em NY

John 'Sonny' Franzese foi preso pela última vez em 2010, aos 93 anos, por envolvimento com extorsão em clubes de stripteasee

O Estado de S.Paulo

24 Junho 2017 | 11h23

John "Sonny" Franzese, um importante líder da família Colombo, foi liberado de um hospital penitenciário em Massachusetts nesta sexta-feira, 23, com a idade de 100 anos, encerrando sua sentença como o preso mais velho em uma prisão federal dos Estados Unidos, informaram seu filho e a mídia local. 

Franzese entrou e saiu da prisão na maior parte de sua vida adulta, tendo conseguido liberdade condicional por pelo menos seis vezes, segundo o jornal Newsday. O gângster não tinha tendência à ressocialização. Ele voltou à prisão pela última vez aos 93 anos, em 2010, por estar envolvido em uma conspiração envolvendo extorsão em clubes de striptease de Nova York. Ele havia sido condenado a 50 anos de prisão por assalto a banco.

Um de seus oito filhos, Michael, confirmou a liberação do Centro Médico Federal em Fort Devens, no Estado de Massachusetts. "É oficial!!! Papai foi solto! Com 100 anos, um homem livre!", disse Michael Franzese em uma mensagem no Twitter. O homem planeja viver com sua filha no Brooklin. / REUTERS

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.