Garimpeiros morrem soterrados perto de Belo Horizonte

Dois garimpeiros morreram soterrados ontem, em Vespasiano, na região metropolitana de Belo Horizonte. Cecílio Correia dos Santos, 56, e Joel Luiz Gonçalves, 41, atuavam de forma improvisada, na busca por pedras ornamentais, quando foram atingidos pelo deslizamento de um barranco. O fato aconteceu na noite de sexta-feira, mas os corpos só foram resgatados pelos bombeiros na manhã de ontem. A Polícia Militar informou que a área é de difícil acesso, sendo usada, inclusive, por quadrilhas especializadas por desmanches de carro. Ainda de acordo com a polícia, as pedras encontradas na região não são preciosas e tampouco têm valor econômico. No entanto, a população costuma apanhá-las, lapidá-las e utilizá-las na elaboração de bijuterias.Apesar disso, segundo familiares, as vítimas sonhavam encontrar algum material de valor na região. Já haviam escavado ali algumas vezes, sem sucesso, e voltavam periodicamente para tentar a sorte. Os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal. O dono do terreno seria procurado, para que providenciasse algum obstáculo a futuras escavações.

LEONARDO WERNER, Agencia Estado

27 de abril de 2008 | 17h02

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.