Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Gêmeos surpreendem médicos ao ter apendicite com dias de diferença

John e Chris Atkin tiveram de passar por cirurgias de emergência; irmãos de 35 anos dizem ter 'forte conexão'.

BBC Brasil, BBC

28 de fevereiro de 2011 | 10h21

Chris (esq.) e John dizem ter uma conexão especial. Foto: Caters News

Os gêmeos britânicos John e Chris Atkin, de 35 anos, surpreenderam os médicos ao ter apendicite aguda com apenas dias de diferença.

Após sentir fortes dores abdominais no início do mês, John teve de ser levado ao hospital Hull Royal Infirmary para passar por uma cirurgia. Menos de uma semana depois, Chris começou a apresentar os mesmos sintomas e foi levado às pressas para a mesa de operação.

"Por alguns dias, pela primeira vez em nossas vidas, nós não éramos idênticos porque um de nós não tinha apêndice, mas agora somos idênticos novamente", brincou Chris.

A inflamação do apêndice não costuma ser associada a fatores genéticos, sendo geralmente atribuída à obstrução do conduto do órgão, que pode ser causada pelo aumento das células da parede do próprio apêndice, por fecalitos (fezes endurecidas), corpos estranhos como sementes e fibras e, mais raramente, por tumores.

Estimativas feitas em estudos médicos dizem que a chance média de alguém ter apendicite ao longo da vida é de cerca de 7%.

"O fato de gêmeos sofrerem de apendicite quase simultaneamente é algo raríssimo, por isso relatamos casos como estes. Ainda não há muita evidência médica a respeito", disse à BBC Brasil o cirurgião Amyn Haki, do Kings College Hospital.

Conexão

Chris (dir.) disse que sentiu dor quando o irmão quebrou a perna. Foto: Caters News

Os irmãos John e Chris dizem que desde pequenos têm uma conexão muito forte.

"Durante a infância, nós conseguíamos fazer testes de percepção extra-sensorial. A gente sempre sabia exatamente o que o outro ia dizer", contou John.

"Quando tínhamos cinco anos, John quebrou a perna e eu senti a dor. Minha perna inchou. Desta vez, eu senti dores logo depois que John teve apendicite. Eles (os médicos) me mandaram para casa, mas dias depois eles perceberam que meu apêndice havia rompido e tinha de ser removido", disse Chris.

John e Chris dizem ter personalidades bastante distintas. Os irmãos já passaram muitos anos separados, mas dizem que o episódio da apendicite acabou aproximando-os novamente.

"Nossos pais não conseguiam acreditar, já que algo estranho assim não acontecia havia muito tempo", disse John.

A companheira de John, Emma Ratcliffe, também disse ter ficado chocada.

"Eu estou com John há 15 anos, mas não acontecia nada assim desde que eles eram muito mais jovens. John me contou que certa vez ele quebrou uma janela com o pé e Chris gritou antes mesmo disso acontecer, sem saber de nada."BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.