Gerador falha e hospital fica sem energia no RS

A interrupção da energia elétrica causou transtornos no maior hospital do litoral norte gaúcho, na manhã de ontem. Após falha no gerador do Hospital de Tramandaí, médicos, enfermeiros e auxiliares tiveram de manter manualmente, durante três horas, a respiração de 11 adultos e 13 bebês internados na UTI.

LUCAS AZEVEDO, ESPECIAL PARA O ESTADO, PORTO ALEGRE, O Estado de S.Paulo

06 de agosto de 2012 | 03h06

O problema começou por volta das 7 horas, quando a Companhia Estadual de Energia Elétrica (Ceee) interrompeu o abastecimento da região para uma manutenção programada. Como de costume, o gerador a combustível foi ligado, porém, parou de funcionar após meia hora.

De acordo com Juarez Verba, diretor-geral da Fundação Hospitalar Getúlio Vargas de Sapucaia do Sul, que administra o hospital, a situação foi contornada e nenhum paciente sofreu danos.

A Ceee informou que a instituição foi comunicada da interrupção de energia e, por isso, o hospital vai apurar internamente se houve falha de comunicação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.