Gianecchini não tem previsão de alta

Ator terá de se curar de uma faringite antes de iniciar o tratamento contra um câncer no sistema linfático

Karina Toledo, O Estado de S.Paulo

12 de agosto de 2011 | 00h00

Antes de dar início à quimioterapia, o ator Reynaldo Gianecchini - que descobriu recentemente ser portador de um câncer no sistema linfático - precisa se curar de uma faringite. As informações são do infectologista David Uip, membro da equipe médica que acompanha o ator.

"Acredito que entre hoje (ontem) e amanhã (hoje) vamos conseguir saber com certeza qual é o tipo de tumor que o afeta. Antes disso não é possível dar início ao tratamento ou prever quanto tempo ele deve durar", afirmou o médico, desmentindo os boatos de que o Gianecchini teria alta já na semana que vem.

Boletim médico divulgado ontem pela assessoria do Hospital Sírio-Libanês, onde o ator está internado, confirmou que Gianecchini é portador de um linfoma não Hodgkin. Mas esse tipo de linfoma se subdivide em 20 categorias diferentes. Segundo Uip, o estado de saúde do ator é "excelente".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.