Gol divulga nota mas não explica atrasos

Após registrar de 36,2% de atraso em seus voos hoje, a Gol divulgou uma nota em que, apesar de afirmar que "trabalha para reduzir o tempo de atendimento de embarque" e que "problemas pontuais que surgirem nesse meio tempo serão corrigidos", não esclarece os motivos dos atrasos de hoje. A empresa voltou a liderar atrasos no País depois de passar vários dias com baixa incidência de voos fora do horário, no período de feriado de ano-novo.No comunicado, a companhia alega continuar "acompanhando de perto o problema dos atrasos" e ter elaborado "um cronograma para a unificação dos sistemas da Gol e da Varig que está sendo cumprido." A unificação foi uma das medidas prometidas pela empresa à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), em reunião no fim do mês passado, convocada pela Anac, para cobrar soluções aos problemas.

FABIO M. MICHEL, Agencia Estado

06 de janeiro de 2009 | 19h34

Tudo o que sabemos sobre:
crise aéreaGolvoos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.