Google testa potencial serviço de Internet ultrarrápida

O Google está preparando o teste de nova tecnologia que pode dar base para uma versão sem fio de seu serviço de Internet de alta velocidade em fibra, segundo especialistas de telecomunicações que analisaram informações enviadas pela companhia aos reguladores.

REUTERS

15 de outubro de 2014 | 20h54

Em relatório público enviado à Comissão Federal de Comunicações (FCC, na sigla em inglês) na segunda-feira, o Google pediu aval da agência para conduzir testes na Califórnia sobre diferentes espectros de frequência, incluindo uma faixa raramente utilizada de ondas milimétricas capaz de transmitir grandes quantidades de dados.

O documento não detalha o que Google pretende fazer, mas dá um sinal da ambição da gigante da Internet de controlar a conectividade na Web. A tecnologia que a empresa está buscando testar pode formar a base de uma conexão sem fio que pode ser levada a residências, tirando a necessidade de um cabo terrestre ou conexão por fibra, disseram especialistas.

Ao levar serviços de Internet diretamente para residências, o Google abriria novo caminho num mercado hoje dominado nos Estados Unidos pelas operadoras Verizon, AT&T, Comcast e outras provedoras de cabo e banda larga.

Poderia oferecer serviço mais rápido e barato de Internet de alta velocidade, uma potencial ameaça para o oligopólio das empresas de telecomunicações, disseram os especialistas.

(Por Alexei Oreskovic)

Mais conteúdo sobre:
TECHGOOGLEINTERNET*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.