Governador de Nova Jersey garante voto em Romney apesar de elogios a Obama

O governador de Nova Jersey, Chris Christie, defendeu os elogios que fez ao presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, após a passagem devastadora da tempestade Sandy pelo Estado, mas disse que vai votar em seu colega republicano Mitt Romney na eleição presidencial de terça-feira.

Reuters

05 de novembro de 2012 | 08h33

"Eu endossei Mitt Romney 13 meses atrás porque o considerei a melhor pessoa para o cargo", disse Christie no domingo em entrevista coletiva, reafirmando seu apoio ao candidato republicano à Casa Branca.

Mas o apoio a Romney não significa que não possa elogiar o "bom trabalho" feito por Obama após a passagem da tempestade Sandy pela Costa Leste dos EUA na semana passada, disse Christie. Apenas em Nova Jersey, mais de 2,4 milhões de moradores ficaram sem luz em consequência de Sandy.

Christie, um governador bastante popular e visto como possível candidato presidencial republicano em 2016, irritou alguns integrantes da campanha de Romney com os elogios a Obama, do Partido Democrata.

"Se o presidente dos EUA vem aqui, e ele quer ajudar o meu povo, e ele faz isso, então eu direi coisas boas a respeito dele porque ele mereceu", disse Christie ao Channel 2 da TV israelense, no domingo, referindo-se à oferta de ajuda federal feita por Obama a Nova Jersey para a recuperação do Estado.

Nem todos os republicanos criticaram Christie.

"Christie seria um tolo se colocasse o dedo no olhos de Obama", uma vez que o governo federal terá um papel fundamental nos esforços de reconstrução, disse o ex-governador de Mississippi e presidente do Partido Republicano, Haley Barbour, à CNN.

(Por Allyn Fisher-Ilan, Dhanya Skariachan e Andrew Longstreth)

Tudo o que sabemos sobre:
EUAELEICOESCHRISTIEROMNEY*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.