Governo adia para 2016 vigência do acordo ortográfico

O governo adiou o início da obrigatoriedade do uso do Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. O decreto foi publicado nesta sexta-feira no Diário Oficial da União. O acordo, que padroniza as regras ortográficas, foi assinado em 1990 com outros países da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) e entraria em vigor em 2013. Pelo decreto as normas ortográficas entrarão efetivamente am vigor a partir de 1º e janeiro de 2016.

AE, Agência Estado

28 Dezembro 2012 | 11h56

Mais conteúdo sobre:
acordo ortográfico adiamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.