Governo da Espanha confirma que enfermeira está com Ebola

Governo da Espanha confirma que enfermeira está com Ebola

Caso de contágio é o primeiro ocorrido na Europa

REUTERS

06 de outubro de 2014 | 16h05

Autoridades espanholas do setor de saúde disseram nesta segunda-feira que uma enfermeira espanhola que cuidou de um padre infectado com Ebola e repatriado para Madri no mês passado, e que morreu da doença, também foi infectada pelo vírus.

A ministra da Saúde espanhola, Ana Mato, disse em entrevista coletiva que um protocolo de emergência foi colocado em prática e que autoridades estavam trabalhando para determinar a fonte do contágio. Trata-se do primeiro caso de Ebola contraído fora da África Ocidental.

Funcionários hospitalares disseram que as pessoas que estiveram em contato com a enfermeira estavam sendo monitoradas, embora não saibam de quaisquer outros casos no momento. A enfermeira começou a se sentir mal em 30 de setembro, disseram.

(Reportagem de Sarah Morris e Carlos Ruano)

Mais conteúdo sobre:
SAUDEESPANHAEBOLA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.