Governo federal reconhece situação de emergência no Rio

A Secretaria Nacional de Defesa Civil, vinculada ao Ministério da Integração Nacional, publicou portaria nesta segunda-feira reconhecendo situação de emergência no município de Petrópolis, região serrana do Estado do Rio de Janeiro. A cidade foi afetada recentemente por fortes temporais que causaram 33 mortes. A situação de emergência foi decretada devido a danos decorrentes de deslizamentos de solo e de rocha no município. Nesta tarde, a presidente Dilma Rousseff deve participar de missa em intenção das vítimas. A solenidade está marcada para as 17 horas na Catedral Metropolitana de Petrópolis.

LUCI RIBEIRO, Agência Estado

25 de março de 2013 | 14h52

A Secretaria ainda reconheceu situação de emergência em Magé (RJ), por causa de inundações, e em Divinolândia (SP), devido a chuvas intensas. Os municípios de Feira de Santana e Vitória da Conquista (BA); Campo Azul, Claro dos Poções, Montalvânia e Novorizonte (MG); e Cuitegi (PB), também entraram na lista de cidades em situação de emergência, porém em consequência de forte estiagem. As portarias da Secretaria Nacional de Defesa Civil estão publicadas no Diário Oficial da União desta segunda-feira.

Tudo o que sabemos sobre:
chuvasgoverno federalemergência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.