Governo lança edital para escolha das Cidades Digitais

O Ministério das Comunicações lançou nesta quarta-feira o edital para a escolha das chamadas Cidades Digitais, com o objetivo de implantar e modernizar as conexões de rede entre os órgãos públicos municipais, com o acesso da comunidade aos serviços do governo. O projeto pretende contemplar até 80 municípios, nas 27 Unidades da Federação.

EDUARDO RODRIGUES, Agência Estado

28 Março 2012 | 12h10

O edital dá preferência às cidades com menos de 50 mil habitantes que estejam a menos de 50 quilômetros das redes centrais da Telebrás ou de outras operadoras. Além de implantação das redes e aplicativos de gestão, o projeto também prevê a capacitação dos servidores e a instalação de pontos de acesso gratuitos à internet em locais de grande movimentação. Também haverá fomento a parcerias entre as prefeituras e micro e pequenas empresas locais.

"Vamos fazer um projeto piloto e garantir modelo que seja sustentável e funcione, sendo revertido em melhoria da gestão pública e melhores serviços à população. Pode ser até que isso gere economia ao município", afirmou o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo.

A estimativa de custo do projeto é de R$ 40 milhões e o resultado do processo deve ser conhecido no começo de julho de 2012. As empresas integradoras, responsáveis pela implantação das redes, darão operação assistida aos municípios por seis meses e garantia de manutenção por três anos.

Mais conteúdo sobre:
Cidades Digitaisedital

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.