Grand Canyon pode ser da era dos dinossauros

O Grand Canyon, no Arizona, oeste dos Estados Unidos, provavelmente foi formado há cerca de 70 milhões de anos, época em que os dinossauros habitavam a Terra. A nova estimativa de idade do vale de 445 km de comprimento, bem maior que a atual, entre 5 e 6 milhões de anos, é defendida por cientistas da Universidade do Colorado em Boulder e do Instituto de Tecnologia da Califórnia, em estudo publicado ontem no site da revista Science.

LOS ANGELES, O Estado de S.Paulo

29 de novembro de 2012 | 23h50

Os cientistas coletaram rochas no fundo do vale para analisar um mineral raro, a apatita, que libera hélio ao se decompor. Isso permitiu o novo cálculo, que vem sendo criticado por geólogos como Karl Karlstrom, da Universidade do Novo México em Albuquerque. Para ele, que critica o método usado e a desconsideração de outras provas, a estimativa dos autores do novo estudo é "absurda e hilária".

A líder do novo estudo, Rebecca Flowers, da Universidade do Colorado, entende que nem todos vão aceitar sua visão alternativa. "Discussões sobre a idade do Grand Canyon vão continuar, e espero que nosso estudo estimule novos trabalhos." / AP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.