Grécia faz apreensão recorde de heroína e prende tripulação de petroleiro

A guarda costeira grega disse neste domingo ter descoberto um recorde de duas toneladas de heroína e deteve 11 tripulantes de um petroleiro com bandeira de Togo que eles suspeitavam que haviam trazido a droga para o país.

REUTERS

22 Junho 2014 | 14h55

Oficiais que trabalham com a Administração AntiDrogas dos Estados Unidos apreenderam 987 quilos da ??droga neste domingo, disse a Guarda Costeira, sem entrar em detalhes sobre onde foi encontrada.

Outros 1.133 kg foram descobertos durante uma operação em um armazém perto de Atenas, na semana passada, acrescentaram.

Suspeita-se que o petroleiro, chamado Noor One, levou a droga ao país em ambos os carregamentos, disse a Guarda Costeira em um comunicado.

O navio tinha navegado por Omã e Paquistão, antes de ser apreendido no porto de Elefsina, perto de Atenas, neste domingo, acrescentou.

"Esses esforços coordenados ... levaram à maior apreensão de heroína em um nível europeu", disse o ministro de Transporte, Miltiadis Varvitsiotis.

(Por Renee Maltezou)

Mais conteúdo sobre:
MUNDOGRECIAHEROINA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.