Gripe H1N1 ainda se espalha pelos EUA, diz CDC

A gripe H1N1, conhecida como gripe suína, ainda está se espalhando pelos Estados Unidos, disseram autoridades nesta sexta-feira, com 75 por cento dos casos graves e 60 por cento das mortes causadas entre pessoas com menos de 49 anos.

REUTERS

21 Agosto 2009 | 14h44

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos confirmou a internação de 7.963 pessoas com a doença, além de 522 mortes, de acordo com o médico Jay Butler, que faz parte do órgão.

"É importante lembrar que nessa época do ano nós normalmente não temos gripe", disse Butler. Segundo ele, o governo espera ter entre 45 e 52 milhões de doses da vacina contra a gripe H1N1 até o meio de outubro, quando a vacinação deve começar, e 195 milhões até o fim do ano.

Mais conteúdo sobre:
GRIPEEUABALANCO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.