Gripe H1N1 faz diretoria da Petrobras desistir da OTC

O risco da gripe H1N1 levou o presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli, e toda a diretoria da empresa a cancelar viagem que fariam neste próximo fim de semana aos Estados Unidos para participar da principal conferência mundial da indústria do petróleo.

REUTERS

01 de maio de 2009 | 16h12

"Eles cancelaram, ninguém vai mais", disse uma assessora da Petrobras à Reuters nesta sexta-feira um pouco antes do início da festa de comemoração da primeira extração de óleo do campo de Tupi, na camada pré-sal da bacia de Santos.

A Offshore Technology Conference é realizada em Houston, Texas, e, neste ano, a Petrobras terá um lugar de destaque na feira por conta da descoberta da camada do pré-sal.

Com o cancelamento da viagem da diretoria, a empresa será agora representada no evento por executivo da estatal que trabalha nos Estados Unidos.

(Por Denise Luna; edição Isabel Versiani)

Tudo o que sabemos sobre:
GRIPEPETROBRASVIAGEM*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.