Gripe suína: Londrina adia novamente retorno às aulas

As secretarias municipais da Saúde e da Educação de Londrina, no norte do Paraná, resolveram hoje prorrogar pela segunda vez o retorno às aulas no ensino municipal como forma de conter o contágio de gripe suína. A princípio, os cerca de 32 mil estudantes deveriam retornar no dia 10, mas, com a nova prorrogação, isso deve ocorrer somente no dia 17. As aulas estão suspensas desde o dia 31 de julho e serão repostas no fim do ano.

EVANDRO FADEL, Agencia Estado

05 Agosto 2009 | 17h54

A Secretaria da Saúde orientou que as demais instituições de ensino da cidade, estaduais e particulares, sigam essa tendência. O boletim epidemiológico divulgado ontem pela Secretaria da Saúde do Paraná, que aponta ter havido 25 mortes pela gripe suína no Estado, mostra que uma delas - uma mulher adulta jovem - morreu na regional de Londrina na terça-feira. Naquela regional foram confirmados 17 casos da doença.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.