Grupo de sem-teto continua em frente da casa de Lula

Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST) afirmam que só sairão da frente do prédio onde fica o apartamento do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em São Bernardo do Campo, no ABC paulista, após serem recebidos por um representante do governo federal.

AE, Agencia Estado

11 Julho 2009 | 14h09

Segundo a Polícia Militar, o grupo é formado por cerca de 40 pessoas. Sete delas estão acorrentadas a um poste de luz. Eles reivindicam a inclusão dos Sem-Teto no programa Minha Casa, Minha Vida e a aceleração dos processos de desapropriação de áreas ocupadas pelo movimento, para impedir ações de despejo contra as famílias que estão nesses locais.

Mais conteúdo sobre:
Sem-teto acorrentados

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.