Grupo é acusado de agredir aluno em universidade de SP

Um grupo de quatro estudantes da Universidade Nove de Julho (Uninove), de São Paulo, é acusado de agredir um aluno do curso de publicidade e propaganda, na manhã de hoje. Um dos agressores foi identificado. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado, o estudante agredido informou que os colegas entraram na sala, e sob pretexto de trote universitário, começaram a atacá-lo com socos e pontapés, o que lhe ocasionou hematomas na cabeça, costas e outras partes do corpo. O aluno ainda teve a calça e a camisa rasgadas e o tênis danificado. Ainda segundo a SSP, foi pedido um exame de corpo de delito e a ocorrência foi encaminhada ao 23º Distrito Policial (DP), onde o caso foi registrado como lesão corporal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.