Grupo é preso com 1.022 ventiladores roubados em SP

Um grupo de quatro homens foi preso hoje, quando entregava uma carga de 1.022 ventiladores roubados no centro de São Paulo. Os aparelhos eram transportados em dois caminhões. Segundo o Departamento de Investigações sobre Crime Organizado (Deic), existe a suspeita de que a mercadoria seria negociada na região da Rua 25 de Março. Dos presos, dois, os motoristas José Sedival Marques, de 56 anos, e João Batista Mendes da Silva, de 41, alegaram que a carga pertencia ao casal Jair de Oliveira Silva, de 33, e Valesca Geórgia Costa, de 28, também detidos no local. O grupo, no entanto, não possuía documentação dos objetos. Os caminhões também foram apreendidos. A carga havia sido roubada de um caminhão da empresa Eletro Metalúrgica Venti Delta, de Catanduva, no interior do Estado.

ELVIS PEREIRA, Agencia Estado

19 de fevereiro de 2008 | 20h32

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.