Grupo reivindica redução do preço das passagens no ES

Após uma manhã de manifestação no centro de Vitória, com congestionamentos e um ônibus queimado, os estudantes voltaram a protestar contra o aumento das passagens de ônibus da Grande Vitória, no final da tarde de hoje. Dessa vez, os estudantes se concentraram em frente à Universidade Federal do Espírito Santo.

CÍNTIA BRINGHENTI, Agência Estado

11 de janeiro de 2012 | 18h01

Com pedaços de madeira, eles bloquearam o tráfego em um dos sentidos da Avenida Fernando Ferrari. Dentro de um dos carros, uma pessoa passou mal, e uma das pistas foi liberada por alguns minutos, para a passagem do veículo.

A avenida permaneceu bloqueada por cerca de trinta minutos. Para reduzir o congestionamento, equipes da Guarda Municipal de Trânsito e da Polícia Militar orientaram os motoristas a seguir por vias alternativas. Sem movimentação de veículos, a manifestação ficou enfraquecida e os estudantes liberaram o tráfego. Os manifestantes querem a redução do preço da passagem, que aumentou R$ 0,15, passando de R$ 2,20 para R$ 2,35 para os coletivos de Vitória e de R$ 2,30 para R$ 2,45 para os ônibus do Sistema Transcol.

Tudo o que sabemos sobre:
ônibuspreçoES

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.