Haddad prevê audiência da Língua Portuguesa em 1 mês

O ministro da Educação, Fernando Haddad, disse hoje que o governo estuda um cronograma para execução do Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa e que o decreto sobre a unificação pode ser colocado em consulta pública em um mês. A expectativa, segundo o ministro, é que o processo de unificação esteja concluído até 2011. Segundo a Agência Brasil, o acordo prevê a unificação da escrita entre os oito países que têm o português como língua oficial - Portugal, Brasil, Angola, Moçambique, São Tomé e Príncipe, Timor Leste, Guiné-Bissau e Cabo Verde."Estamos num cronograma bastante antecipado junto ao Itamaraty e ao Ministério da Cultura para que o decreto presidencial - ou a minuta - possa ser colocado em consulta pública, o que poderia acontecer em cerca de 30 dias. Pretendemos publicar esse decreto (sobre o cronograma de implantação do acordo) no Diário Oficial nos próximos meses, talvez ainda em setembro ou outubro", afirmou. O ministro da Educação integra a comitiva brasileira na 7ª Conferência de Chefes de Estado e de Governo da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), em Lisboa, da qual também participou o presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

AE, Agencia Estado

25 de julho de 2008 | 15h47

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.