Henrique Alves voltou a Brasília, mas não foi à Câmara

O presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), já chegou a Brasília, depois de ter antecipado retorno de viagem à Rússia. A volta prematura teve como justificativa a onda de protestos que assola o País. Ele, no entanto, seguiu diretamente do aeroporto para a residência oficial ao chegar à cidade. O deputado ainda não esteve na Câmara, de onde é possível observar cerca de 15 mil manifestantes que ainda se concentram, em protesto na Esplanada dos Ministérios na noite desta quinta-feira. Segundo previsão da Secretaria-Geral da Mesa, entretanto, Alves deve ir à Câmara ainda nesta quinta.

DAIENE CARDOSO E RICARDO DELLA COLETTA, Agência Estado

20 de junho de 2013 | 21h16

André Vargas (PT-PR), que assumiu o posto de presidente interino da Câmara durante a viagem de Alves, deixou o Congresso para jantar. Na noite desta quinta, há movimentação apenas de servidores e policiais legislativos pelo interior da Casa.

Tudo o que sabemos sobre:
protestosBrasíliaHenrique Alves

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.