Herdeiros querem criar museu e fazer inventário

Netos e bisnetos de Oscar Niemeyer querem restaurar a Casa das Canoas, construída há 60 anos pelo arquiteto para ser a residência da família.

O Estado de S.Paulo

08 Dezembro 2012 | 02h07

Tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), o imóvel foi fechado porque precisa de obras de infraestrutura. A intenção é transformá-lo numa espécie de museu, com exposição multimídia, informou Carlos Ricardo Niemeyer, diretor da Fundação Niemeyer, que detém os direitos sobre as obras do arquiteto.

Ricardo informou que a diretoria da fundação ainda vai se reunir para fazer o inventário dos projetos em andamento, definir como viabilizar a reforma da Casa das Canoas e debater como se dará a proteção das obras já concluídas e dos projetos de Niemeyer que ainda não saíram do papel. A fundação foi criada em 1988. Niemeyer, a primeira mulher, Annita Baldo, e a única filha, Anna Maria, transferiram os direitos sobre todas as obras para que fossem administrados pela instituição. Hoje, é presidida pelo ex-senador Marco Maciel e tem como diretora executiva Ana Lúcia, uma das netas de Niemeyer e mãe de Carlos Ricardo. / C.T.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.