Hervé This, Entrevista químico e autor de Um Cientista na Cozinha 'Por que gostamos de batata? Essa é fácil!'

O químico francês Hervé This interessa-se mais pelo que acontece em um suflê do que na superfície de Marte. Autor de mais de uma dezena de livros e "atualmente trabalhando em vários títulos ao mesmo tempo", ele falou com o Paladar sobre batatas.

O Estado de S.Paulo

28 Março 2013 | 02h09

Por que gostamos de batata?

Por que gostamos de batata? Essa é fácil. O ser humano adora alimentos com amido. Fomos condicionados assim, é um reflexo de sobrevivência. Quando comemos batata, enzimas liberam, uma a uma, moléculas de amilose e amilopectina. Essas moléculas mantêm um fluxo contínuo de energia, responsável pela sensação de bem-estar. Amido não tem sabor especial, mas o corpo humano o adora.

Como preparar um bom purê?

Há tipos de batatas que servem melhor para purê: as com menos amido. A gordura é muito importante. Sugiro manteiga.

Dá para chegar a uma boa textura em casa?

Em casa, ao amassar as batatas com um garfo, as células da batata se separam, mas não quebram. Elas se quebram quando se usa o mixer. Com o mixer há mais liberação de amido, o que torna o purê grudento. Há quem prefira um, há quem goste do outro.

Há como salvar o grude?

Sim, o ideal é usar um tipo de gordura como manteiga ou creme de leite. Outra alternativa é bater o purê para incorporar ar e torná-lo um pouco mais leve.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.