Homem é condenado a 104 anos por morte de 3 crianças no PA

Foram mais de 20 horas de julgamento pelos crimes cometidos entre os anos de 2006 e 2007, na Ceasa de Belém

Solange Spigliatti, estadao.com.br

19 Novembro 2008 | 09h47

Depois de mais de 20 horas de julgamento, André Barbosa, acusado de matar três garotos nas proximidades da Ceasa, a central de abastecimento de Belém, no Pará, entre 2006 e 2007, foi condenado a 104 anos de prisão, a ser cumprida em regime inicialmente fechado.   De acordo com o Tribunal de Justiça do Pará, Barbosa ouviu a sentença, proferida pelo juiz Edmar Pereira, por volta das 21 horas de terça-feira, 18, sem esboçar reação. O juiz negou ao acusado o direito de recorrer em liberdade da decisão.   O Tribunal reconheceu ter sido André o autor dos crimes de homicídio triplamente qualificado, ocultação e vilipêndio de cadáver, além do atentado violento ao pudor em que foram vítimas José Raimundo Oliveira e Adriano Augusto Nogueira Martins. Ele foi condenado também por atentado violento ao pudor, além das qualificadoras do motivo torpe no caso da terceira vítima, Ruan Valente Sacramento.

Mais conteúdo sobre:
violência condenação Pará

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.